Arlindo Cruz

Arlindo Cruz

07 Setembro

Um dos maiores artistas do Brasil

Arlindo Cruz é, com certeza, um dos maiores artistas vivos do Brasil. Logo aos sete anos, o menino ganhou o primeiro cavaquinho. Empolgado com o instrumento, esperava ansioso o pai chegar do trabalho para aprender a tocar. Aos 12 já tirava muitas músicas de ouvido, e, como seu irmão, Acyr Marques, aprendia violão. Ao completar 15 anos foi estudar em Barbacena MG, na escola preparatória de Cadetes do Ar. Mas não abandonou a música. Cantava no coral da escola. Começava, então, a nascer o compositor Arlindo Cruz, que ganhou festivais em Barbacena e Poços de Caldas. Os mestres não demoraram a reconhecer em Arlindo Cruz o grande compositor que já se percebia. Logo no primeiro ano de Cacique, teve 12 músicas gravadas por vários intérpretes. A primeira delas foi "Lição de Malandragem". Depois vieram outros sucessos, como "Grande Erro" (Beth Carvalho), "Novo Amor" (Alcione) e tantos outros.

Arlindo Cruz foi convidado a participar do Grupo. Foram, então, 12 anos de dedicação e sucesso. Neste período, gravou com quase todos artistas do Pagode e deu as músicas mais lindas ao FDQ: "Seja sambista também", "Só Pra Contrariar", "Castelo Cera, "O Mapa da Mina", "Primeira-dama". Arlindo Cruz saiu do Fundo de Quintal em 1993 e começou uma carreira solo. Em meados de 2009, é lançado o DVD e CD duplo "Arlindo Cruz MTV Ao Vivo" (DeckDisc), além da celebração de uma obra, a consagração, como cantor, desse compositor que discretamente mudou a cara do samba nas últimas décadas. Em 2011, lançou o CD "Batuques e Romances e em 2012, gravou mais um CD e DVD, ao vivo, "Batuques do Meu Lugar" com músicas inéditas e participações muito especiais, como: Alcione, Caetano Veloso, Zeca Pagodinho, entre outros.

  • App Store