Djavan

Djavan

08 Setembro

Rei de Alagoas

Nascido em Maceió, capital de Alagoas, filho de uma mãe afro-brasileira e de um pai neerlando-brasileiro. Aprendeu violão sozinho na adolescência. Aos dezoito anos, formou o conjunto Luz, Som, Dimensão (LSD). Em 1973 foi para o Rio de Janeiro onde gravou músicas para novelas da Rede Globo. O reconhecimento aconteceu mesmo em 1975 quando participou do Festival Abertura e conquistou o segundo lugar com a música "Fato consumado". Seu primeiro LP foi em 1976 tendo a faixa "Flor-de-lis" um de seus grandes sucessos.

Em 1978 sua música "Álibi" é gravada por Maria Betânia, dando nome ao disco de maior sucesso na carreira da cantora. Em 1981 e 1982 ele recebeu o prémio de melhor compositor da Associação Paulista dos Críticos de Arte. Seu álbum duplo gravado ao vivo, Djavan Ao Vivo, vendeu 1,2 milhões de cópias e sua canção "Acelerou" foi escolhida a melhor canção brasileira de 2000 no Grammy Latino. Seu álbum Matizes foi lançado em 2007 e ele partiu em turnê pelo Brasil para promovê-lo. Até hoje Djavan é conhecido mundialmente pela sua tradição e o ritmo da música cantada.

  • App Store